5 Estreias para ver no Cinema em Junho

Então maio já está no fim, quem viu os filmes da nossa outra lista viu, quem não viu… é hora de acertar a agenda para junho e não perder nada. E olha que dessa vez ficou mais fácil, nossas 5 estreias escolhidas chegam em datas diferentes. Sem enrolação, vamos a elas, as 5 estreias que merecem a tela grande esse mês, e não esqueça, críticas de todas elas na semana do lançamento por aqui.

1 de junho

Mulher – Maravilha

No filme, antes de tornar-se Mulher-Maravilha, ela era Diana, princesa das Amazonas e treinada para ser uma guerreira invencível. Diana descobre que um grande conflito assola o mundo quando um piloto americano cai com seu avião nas areias da costa. Convencida de que é capaz de vencer a ameaça de destruição, Diana deixa a ilha. Lutando lado a lado com homens numa guerra que pretende acabar de vez com todas as guerras, ela vai descobrir todos os seus poderes… e seu verdadeiro destino.

Depois de ser uma das poucas (se não a única), unanimidade em Batman vs Superman: A Origem da Justiça, a Mulher – Maravilha retorna para um filme solo que é aguardado há décadas pelos fãs, e que carrega a responsabilidade de ser o longa que vai unir fãs e crítica em torno do universo DC (essa é a nossa torcida). Quando o post sair, provavelmente já teremos visto o filme, então fique de olho para conferir a crítica.



 

8 de junho 

A Múmia

Protagonizado por Tom Cruise e Sofia Boutella, o longa “A Múmia” (The Mummy) apresenta a versão cinematográfica da lenda que tem fascinado culturas pelo mundo desde o início de nossa civilização. Na história, a atriz Sofia Boutella interpreta uma antiga princesa cujo destino foi injustamente tirado dela. Sepultada em uma cripta abaixo do deserto, ela despertará nos dias atuais e desafiará a compreensão humana com sua malevolência e terror.

Ótimas expectativas para o início de junho, porque logo na segunda semana já temos Tom Cruise dando um pontapé inicial no DarkUniverse da Universal Studios, que pretende ressuscitar o sucesso de seus clássicos de terror dos anos 30 e 40. Um ótima iniciativa que tem tudo para decolar com nomes como Tom Cruise, Russell Crowe e Johnny Depp.



15 de Junho

Baywatch

Liderado por Dwayne “The Rock” Johnson, que interpreta Mitch Buchannon, o time salva-vidas de “Baywatch” precisará unir forças extracurriculares para desmascarar uma conspiração que ameaça o futuro da baía onde trabalham. Ao mesmo tempo, o grupo deve se entender com Matt Broady (Zac Efron), um insubordinado e prepotente novo recruta.

Você não precisa ter grandes expectativas de uma filme como esse, é só sentar na poltrona, deixar o espirito “mi mi mi” lá fora e se divertir . Dwayne Johnson carismático como sempre, o Zac Efron que tem se dado bem em comédias e muitas mulheres (porque não? rs). Está com cara de um “Bad Boys” na praia, e isso pode ser muito bom.




22 de junho
O Círculo

The Circle é uma das empresas mais poderosas do planeta. Atuando no ramo da Internet, é responsável por conectar os e-mails dos usuários com suas atividades diárias, suas compras e outros detalhes de suas vidas privadas. Ao ser contratada, Mae Holland (Emma Watson) fica muito empolgada com possibilidade de estar perto das pessoas mais poderosas do mundo, mas logo ela percebe que seu papel lá dentro é muito diferente do que imaginava, e que o fundador (Tom Hanks), tem uma visão bastante distorcida sobre privacidade e liberdade.

Aqui uma opção menos blockbuster, mas ainda assim bem interessante, com uma Emma Watson, que esperamos esteja mais solta do que em A Bela e a Fera, e o sempre excelente Tom Hanks. Um thriller moderno que pode surpreender muita gente.


 

29 de junho

Meu Malvado Favorito 3

No filme, o ex-ator mirim e astro de TV, Balthazar Bratt foi um típico malvado bem-sucedido nos anos 80. De volta à ativa, ele ocupará o posto de novo supervilão em “Meu Malvado Favorito 3” (Despicable Me 3) e causará o terror na vida de Gru.

Com esses caras não tem concorrência, poucas vezes na história do cinema se viu personagens tão hipnóticos e capazes de gerar dinheiro como os Minions. Não importa o que aconteça, com os Minions no meio, é garantia de sucesso. Neste filme os Minions voltam a ser coadjuvantes, o que fará muito bem a eles, enquanto os primeiros vislumbres do vilão cheio de referências aos anos 80 e levado pelo ritmo de Michael Jackson também é de deixar qualquer um com um sorriso de canto de boca. Na versão nacional, o Balthazar será dublado pelo ator e cantor Evandro Mesquita, que também foi uma sacada genial da equipe aqui do Brasil.



 

Gostou? Deixe seu comentário e siga a gente nas Redes Sociais